Translate

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

(Fechado) KAYA Kafé, na Rua Augusta

Nos últimos tempos aprendemos a jamais ignorar uma viela no caminho: pode ser que haja absolutamente nada de interessante nela, mas, muitas vezes, podemos nos surpreender positivamente! E hoje não foi diferente: andando pela Rua Augusta, sentido bairro, descobrimos o KAYA Kafé, numa viela no nº 2052.

Encontre o KAYA Kafé nesta foto...
KAYA Kafé, visto já do lado "de dentro" da Vilinha 2052
De cara, o som ambiente já conquistou meu coração! (tocava Keira Knightley, com Coming up Roses, da trilha sonora do filme “Mesmo se nada der certo”, que amo!)

Havíamos acabado de almoçar e pretendíamos, no máximo, um cafezinho. Mas não tivemos como resistir ao “pão de queijo do gringo”, servido com geleia de framboesa orgânica feita lá mesmo, e brownie pra acompanhar nossos expressos. De quebra, ainda experimentamos o bolo de cenoura com cobertura de chocolate. Tudo muito bom!

Delícias do KAYA Kafé
Entre alguns itens que estão expostos lá, logo na entrada, destaque para os cafés da Fazenda Ambiental Fortaleza: Carmen Miranda e Cartola são alguns deles. Tem também bolsas de crochê da Jô de Paula Atelier, vasinhos de cerâmica da El Cabriton-Atelier Mirai e outras coisinhas:

Delícias do KAYA (y otras cositas más) pra levar pra casa
O atendimento é excelente e o lugar muito bacana! Com bicicleta de vários assentos compondo a decoração, cardápio no quadro negro, móveis feitos de materiais reciclados, como pneus e caixas de feira, e uma “vitrine” de dar água na boca, o KAYA Kafé é um “esconderijo” que merece ser descoberto!

Cardápio no quadro negro

KAYA Kafé

A "vista" da Rua Augusta